Dicas de Beleza | 5 makeups que não vivo sem

Tem 5 makeups que eu não vivo sem!!! Elas deixam a pele bem natural e dão aquele ar saudável!

Não quero me gabar não, mas todo mundo sempre elogia minha pele. Mas o que nunca conto é que estou sempre com ela bem preparada rsrs. Por isso, resolvi publicar as 5 make ups que não vivo sem.

A ideia de fazer matérias com dicas de produtos que eu uso veio de algumas noivas que sempre me elogiavam e pediam as maquiagens que usava para ficar com a pele com um aspecto natural, porém linda.

5 makeups que não vivo sem

Um desses produtos que uso, já postei para vocês. É o BB Cream Magic Skin da L’Oréal, que infelizmente não vende no Brasil. A marca o substituiu por uma outra fórmula, que devo confessar, é uma droga rsrs. Ele nem se compara com o meu queridinho. Mais sobre ele, vocês podem ler na sessão “Leia Mais” no final da matéria.

 

5 makeups que não vivo sem

 

#1 – Protetor Solar Capital Soleil da Vichy:

Eu não saio sem passar o protetor solar. Então no meu ritual matinal, lavar o rosto e passar um protetor é fundamental para que eu saia de casa. Eu uso o protetor capital soleil da Vichy fator 60 com cor. Ele é oil free, um dos requisitos principais de qualquer produto para eu passar no rosto rsrs. Quem tem pele acneica sabe o que quero dizer rsrs. A pele o absorve muito rápido e não dá aquela sensação “melequenta” que os demais protetores dão.

protetor solar capital soleil vichy

#2 – Blush da NYC:

Eu amo o blush da NYC Cheek Glow. Uso ele há mais de 4 anos e não achei outro que fosse tão bom quanto para a minha pele. Ele dá um ar saudável ao rosto. Aproveito para passá-lo também nas pálpebras, quando não quero passar sombra.

Ele dá vida ao rosto!

5 make ups que não vivo sem blush nyc cheeck glow

#3 – Bronzer Revlon ColorStay:

Esse bronzer também faz parte do meu ritual diário. Aproveito, quando tenho tempo, para fazer o contorno com ele também, mas bem suave. Só para marcar um pouquinho o rosto, algo quase imperceptível. Afinal, a intenção é parecer o mais natural possível, com um toque fresh.

5 make ups que não vivo sem bronzer revlon colorstay

#4 – Máscara de cílios – Maybelline New York The Colossal:

Essa máscara de cílio é tudo de bom. Ela não só os deixa maiores e mais volumosos, mas parece que levanta o olhar. Não saio sem!!!!

Eu costumo passar em zig-zag  e depois puxando um pouco para o lado externo do olho. Fica lindo!

mascara de cílios maybelline the colossal

#5 – Bálsamo hidratante com efeito glossy Tentazione da Bellaoggi:

Eu sou completamente apaixonada por esse bálsamo hidratante da Bellaoggi. Ganhei ele de uma assessoria, não poderiam ter acertado melhor no mimo rsrs, e desde então ele fica na minha bolsa e não sai de lá por nada no mundo!

A cor que estou usando é a 08 – desert rose. É um “cor de boca” que se adapta muito bem ao tons dos lábios de qualquer pessoa. Pelo menos, foi o que observei ao pedir para 2 outras pessoas passarem ele rsrs. Adoro fazer esses testes com batom.

tentazione-balsamo-bellaoggi-hinode

Imagem: Reprodução

Esses são os produtos que fazem parte da minha necessaire e estão sempre comigo. É muito amor por cada um deles rsrs. Gostaram das dicas?

Dicas de Beleza: BB Cream Magic Skin da L’Oréal Paris

Fotografia do dia | Maquiagem para noivas

Noiva | Noiva de batom vermelho & Dicas dos tons para cada tipo de pele

Life | Receita do dia: Filet ao vinho do Porto & Jantar romântico

Hoje é feriado e sim, trouxemos uma receita de filet ao vinho do Porto perfeita para o dia dos namorados!

A receita do dia: filet ao vinho do Porto, foi escolhida entre muitas outras com o intuito de vocês surpreenderem a pessoa amada em um jantar romântico com direto a luz de velas rsrs.

Como vivo falando aqui, tem dias que quero inovar na cozinha e fazer um prato especial. Aproveitando essa vontade (que confesso, não ser tão frequente assim rsrs) faço uma mini produção em casa para o noivo. Afinal, surpreender é sempre bom!

filet ao vinho do porto

Imagem: Rede Paulistão

Quando eu li o título dessa receita me deu água na boca. E não é pelo fato de ser quase o horário do almoço. Carne e vinho são dois itens que combinam muito bem, ainda mais quando o tempo está um pouco mais fresco. E vou falar bem a verdade para vocês, um filé mignon com um molho intenso que realça seu sabor… OMG!!!! Babei!

Apesar do nome “Filet ao vinho do Porto”, essa receita não é tão difícil quanto parece.

Papel e caneta na mão.

 

Filet ao vinho do Porto

 

ingredientes

Molho:

– 30g de funghi seco;

– 1 copo de vinho do Porto;

– filé mignon;

– meia cebola;

– manteiga;

– 1 colher de farinha de trigo;

– 2 xícaras de água;

– sal e pimenta a gosto.

 

Filé:

– manteiga;

– azeite de oliva;

– filé mignon;

– sal e pimenta a gosto.

 

modo de preparo

 

Molho:

– Coloquem um pacote de funghi seco de molho em um copo de vinho do porto para reidratar. Reservem;

– separem algumas lascas ou aparas do filé e refoguem numa panela com meia cebola picada. Usem manteiga para refogar;

– quando a carne começar a dourar, acrescentem uma colher bem cheia de farinha de trigo e mexam bem. Adicionem 2 xícaras de água, temperem com sal e pimenta;

– deixem cozinhas em fogo baixo até formar um molho levemente espesso.

 

Filé:

– cortem 2 postas do coração do filé e levem para a frigideira. Ela deve estar bem quente com manteiga e um fio de azeite;

– selem o pedaço de carne por todos os lados, mas cuidado, não deixem passar do ponto. Seu interior deve ficar rosado, quase malpassado. Se passar vai perder a maciez;

– temperem com sal e pimenta;

– nos pratos de servir, posicionem uma fatia grossa de pão italiano levemente umedecida com vinho do porto. Quando os bifes estiverem prontos, coloquem sobre o pão e deixem descansar.

 

Finalização:

– na mesma frigideira usada para a carne, acrescentem uma colher de manteiga e refoguem os funghis já escorridos;

– deixem refogar rapidamente e juntem o molho (aquele que reservamos no início da receita) coado. Vertam também o vinho que hidratou os cogumelos;

– deixem reduzir até o ponto de um molho aveludado e encorpado;

– coloquem o molho dobre os filés e bom apetite!

Dica: como acompanhamento (desnecessário devido ao pão) vocês podem fazer um risoto, legumes salteados ou batatas. Tem uma batata na manteiga feita no forno que é dos deuses. Vou passar a receita dela para vocês na próxima semana.

A receita do filé ao vinho de Porto pode ser encontrada aqui.

 

Life | Receita de vol-au-vent de sardinha e alho poró

Receita da Semana | Berinjela assada com recheio de frango

Chá de Cozinha | 2 receitas de mini porções

Por que a fotografia de casamento é tão cara?

Sim, estamos trazendo matérias super importantes e que devem ser lidas por todas vocês nesse pré-feriado. Uma delas é: por que a fotografia de casamento é tão cara? 

Venham!

Uma pergunta recorrente que tenho ouvido das noivas é: por que a fotografia de casamento é tão cara? Creio que nunca tive tanta dificuldade para escrever sobre um assunto. Não que seja difícil responder essa pergunta, mas não tem como responder de uma maneira leve, me entendem?

por que fotografia de casamento é tão cara

Imagem via Igor Bulgak

 

Por que a fotografia de casamento é tão cara?

Costumo dizer que a fotografia de casamento, assim como o vídeo, são as únicas lembranças físicas que teremos do nosso grande dia! São elas que perpetuarão aquele momento único e toda a emoção que sentimos ali. Sempre que folhearmos nosso álbum, esses sentimos aflorarão e voltaremos a sentir um pouco de tudo o que passamos no grande dia. Lembrar de cada detalhe, enquanto fazemos isso, definitivamente não tem preço.

por que fotografia de casamento é tão cara

Imagem via Victor Lax

Esses dois profissionais, são alguns dos fornecedores mais importantes que iremos contratar para o nosso casamento. E não devemos limitar nosso orçamento quando o assunto é esse por mais salgado que possa ser o valor.

Acontece que, tudo que tem uma qualidade superior, acaba sendo um pouco mais caro. Isso porque houve investimento de tempo, dinheiro e energia para aprimorar o conhecimento e poder se tornar um profissional qualificado.

fotografia de casamento

Imagem via Andra Dragan

Sabem aquelas fotos maravilhosas em que a luz está perfeita, não tem distrações e que as emoções são captadas com maestria? Pois é… Não é fácil clicar uma imagem assim!!! Para fotografar esse momento, foram anos de estudo!

Além disso, são horas e horas editando uma quantidade imensa de fotos para que apenas 100 – na maioria das vezes – sejam escolhidas. Sem falar que para isso, esses profissionais passam mais de 9h em pé buscando sempre os melhores ângulos.

fotografia de casamento

Imagem via Oscar Anta

 

E mais…

Não sei se vocês sabem, mas quando se trabalha com o sonho alheio a pressão para fazer um trabalho perfeito, sem nenhuma margem de erro é muito grande. Não tem como explicar a sensação de trabalho cumprido, ao ver no olhar do cliente que eles receberam mais do que esperavam!

Eu nem citei a lista de coisas que é necessário gastar quando se é fotógrafo. Só para vocês terem uma ideia: impostos (que não são baixos), software, publicidade, álbuns, reparos, despesas de envio e estúdio, sem contar que muitos fotógrafos acabam ganhando menos do que o salário mínimo nos primeiros anos de sua carreira são apenas alguns dos itens dessa lista infinita!

por que fotografia de casamento é tão cara

Imagem via Cole Kor

Mas acho que eu não preciso entrar a fundo em cada um desses itens para ajudá-las a entender o quão importante é esse trabalho, sua pressão e o por que que eles cobram um valor um pouco caro para desempenhar um trabalho difícil, cheio de obstáculos, mas extremamente gratificante!

Se tem profissionais mais baratos no mercado? Tem, e muitos. Mas nem todos entregarão um bom trabalho e correr esse risco em um dia tão importante…. Definitivamente, não vale a pena!

Da série: dicas e desabafo | Quando o casamento vira amizade?

Neste pré feriado, resolvemos trazer uma matéria que já foi postada aqui no blog: quando o casamento vira amizade?

Isso é algo que muita gente enfrenta com a rotina e os anos de casamento. E o que podemos fazer?

Todos os dias surgem diversas dúvidas de noivas em nossos e-mails, e a última foi: quando o casamento vira amizade? Bom, isso é um problema. Ninguém casa pensando que algum dia o relacionamento esfriará e virará uma amizade.

quando o casamento vira amizade

Imagem via Greatist

 

 Quando o casamento vira amizade?

 

Se relacionar é uma arte e é preciso ter jogo de cintura para que nosso casamento não entre na rotina e esfrie. Ao longo do tempo, a maioria de vocês irão se perguntar ou já se perguntaram: será que eu estou com essa pessoa por que a amo ou por que me acostumei? Ficamos em dúvida se é amor ou amizade.

Penso eu que a questão sobre esses dois sentimentos é muito comum, pois a maioria das pessoas se apaixonam e se casam com seus amigos, ou seja, a amizade e o amor estão relacionados e uma linha tênue os separam.

quando o casamento vira amizade

Imagem via Pinterest

Acontece que sempre que falam isso, parece que alguma coisa ficou para trás, se perdeu no meio do caminho. Na minha opinião, devemos nos casar com nosso melhor amigo, sabem por que? Quando envelhecermos o desejo diminuirá e o sexo não será a questão mais importante de nossas vidas. E não tem nada melhor do que podermos estar com alguém que goste de conversar conosco por horas e horas, nos compreenda e nos divirta! Isso é o que ficará quando a beleza e o desejo não existirem mais.

quando o casamento vira amizade

Imagem via Izizmile

Eventualmente, todo relacionamento virará amizade. A paixão é um sentimento que tem prazo de validade. Ela vem com toda sua força, perdura até a chama se apagar e vai embora. Depois de algum tempo, e não há um limite para isso, ela volta e mexe com a gente novamente até ir embora. É um ciclo de vem e vai, vem e vai….. Até a chama não se acender mais.

Isso me faz pensar: até que ponto é ruim um casamento virar amizade?

Li em uma matéria, não lembro onde, fogo demais (seria a paixão) dói, queima, machuca enquanto fogo de menos nos faz passar frio, é desconfortável. Então precisamos achar um meio termo, um equilíbrio e aprender a deixar esse fogo aceso na medida certa!

E concordo plenamente sobre isso. É preciso achar esse equilíbrio para que nosso relacionamento viva e perdure com o passar dos anos.

 

 Da série: dicas & desabafos sobre relacionamento & O DRAMA

Da série: dicas & desabafos sobre relacionamento – Expectativa x Realidade

Da série: dicas & desabafos sobre relacionamentos – 6 dicas para evitar a monotonia no casamento

Posts anteriores