Foto + Vídeo do dia = Fome! & Mesa de doces

doces para casamento

Nossa mesa na casa e moda noivas

A post shared by Atelier Seli Rigazzi Doces (@selirigazzi) on

Imagem via Reprodução

Preparar, apontar, VALENDO!!!!! É, mais ou menos isso, que soa na cabeça dos convidados quando a mesa de doces é liberada. Todos querem ter o privilégio de provar, pelo menos, um de cada docinho fino escolhidos pelos noivos. E dá para entender, já que esses doces, são simplesmente deliciosos.

Eu não sei se vocês já conhecem o amplo catálogo de doces finos da Seli Rigazzi. Ela é nossa parceira há algum tempo e sempre nos proporciona uma explosão de sabores quando se nos honra com sua parceria nos eventos que criamos. Ela também confecciona os doces mais procurados pelas solteiras de plantão: o do Santo Antônio rsrsrs.

Vocês já repararam no sucesso que eles fazem nos casamentos? Até aquela tia mais velha que ainda não encontrou seu par apela para ele rsrsrs.

A opção de doces finos é gigantesca e como saber quais devemos escolher para o nosso casamento? Simples, aqueles que mais gostamos e que também se enquadra no gosto dos nossos convidados!

Na minha opinião, o brigadeiro belga tradicional é um que não pode faltar! Ai vem o romeu e julieta, aqueles com amêndoas e nozes, tarteles (que são deliciosos e também deveriam ter um espacinho especial na mesa), copinho de physalis (obrigatório rsrs, sempre como muitos deles rsrs), temaki de framboesa, aquele bombom de uva entre outros!!!! Como falei, esses são especiais para mim e seriam a minha escolha, mas vai do gosto de cada casal!

Quanto a quantidade!!!!

É sempre melhor sobrar do que faltar, já dizia a minha vovó rsrs. Por isso, mesmo que tenha uma sobremesa, é bom calcular cerca de 6 a 7 doces por pessoa!

Se vocês tem alguma dúvida quanto ao assunto, mandem um e-mail ou deixem aqui nos comentários. Teremos o prazer em responder!

Doces finos & Casar

Os doces por si só já são uma delícia, agora, quando falamos de doces finos para casamento, OHHH MY…

É praticamente impossível imaginar alguém em sã consciência dizer: “não, obrigado” a esses docinhos, pois eles não são apenas deliciosos, são também verdadeiras obras de arte!

Como se isso não bastasse, ainda existe todo o cuidado na seleção dos ingredientes isso sem falar nas receitas. Algumas são guardadas às sete chaves, mesclam sabores, brincam com nossos sentidos e o resultado é  arrebatador. Sempre falo que se eu estiver nervosa, e a pessoa quiser me acalmar, é só vir com um docinho que fica tudo certo rsrsrs (noivo olha a dica rsrs).

Mas vamos ao que interessa. No evento Casar deste ano, tivemos a oportunidade de conhecer as apostas dos melhores ateliers de doces para 2015/2016. E as novidades são muitas.

Amei o doce de paçoquinha artesanal da Seli Doces tanto quanto o de castanha de caju. Só de lembrar me da água na boca.

 

O coco também está em alta. Eu não sou muito fã, mas o brigadeiro especial de coco e chocolate belga da Fleur de Sucre Pâtisserie me levou a loucura. O chocolate super leve e delicado. Uma delícia!

 

Um que não ficou para trás foi a Brigaderô. Experimentei os brigadeiros de ovomaltine e o de limão. Meu Deus do céu, chega a ser um pecado de tão deliciosos.

 

Quem também traz novidade na área é a Manô Andrade Doces com sua criação mini mil folhas. Seu recheio é de doce de leite. Acho que nem preciso dar minha opinião nesse aqui, porque vocês já devem ter imaginado o quão bom ele é.

 

Já na Piece of Cake, experimentei o brigadeiro branco de pistache. Gente, não tenho palavras para descrever esse doce. Simplesmente, divino. Sei que estou falando de doces, mas o bolo deles estava lindíssimo. Nós postamos aqui para vocês.

 

xo

Nati